Foge Foge


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

[ACTUALIZADO 7 AGO]Toma banho após matar a mulher

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

gilsilvagt


Fugitivo Pro
Fugitivo Pro

Ontem de madrugada, em mais uma discussão por ciúmes, Álvaro pegou na faca de cozinha e matou-a com golpes no pescoço, virilhas e abdómen quando ela estava deitada na cama. Depois, tomou banho e foi aos bombeiros de Oliveira de Azeméis contar que a tinha morto. Foi detido pela PJ e hoje é ouvido em tribunal. Maria é a 23ª vítima mortal de violência doméstica neste ano.

'Não esperávamos uma desgraça destas. Ela nunca me contou que ele lhe batia', diz ao CM Paula Ribeiro, de 27 anos, filha de Fátima – nasceu de uma relação anterior da vítima. Paula ainda não aceita o desfecho trágico. 'Queria que o cortassem aos bocados para ver o que é sofrer', diz revoltada.

O homicida já cumpriu cinco anos de cadeia. A vítima já tinha apresentado uma queixa por agressões do marido.

Maria de Fátima, funcionária numa empresa de calçado, chegou do trabalho perto das 23h00 e foi passear com Álvaro, com quem casou há cinco anos. Pelo caminho, começaram a discutir.

'Ele vinha aos gritos a perguntar se ela tinha medo dele', recordou ao CM uma vizinha do casal, que não quer ser identificada. Cerca das 02h15, os vizinhos ouviram mais barulho que o normal. 'Eram uns gritos abafados, como se ele lhe estivesse a tapar a boca. Mas como era habitual, pensei que fosse mais uma discussão', conta outra vizinha. Depois disso, o silêncio voltou à habitação. Quando a GNR chegou ao local, alertada pelos bombeiros, já depois das 05h00, encontrou Maria de Fátima morta, numa poça de sangue, com metade do corpo caído para fora da cama.

O homicida estava desempregado. 'Ele vivia às custas dela e passava o dia a jogar Playstation. Ela era muito carente e fazia tudo por ele', conta Madalena, filha de um ex-companheiro de Fátima.

FONTE:CM



Última edição por gilsilvagt em Sab Ago 07, 2010 10:31 am, editado 1 vez(es)

tiagomoura


AdminFuga
AdminFuga
Que cena :s
Enfim...




--------------------------------------
Melhor Amiga, MM *

martasneves.


Master Fuga
Master Fuga
tiii @ escreveu:Que cena :s
Enfim...

; jotapê ~


Master Fuga
Master Fuga
Isso foi aqui perto da minha cidade s:

Enfim , mesmo !

gilsilvagt


Fugitivo Pro
Fugitivo Pro

FOTO DO ASSASSINO (PARECE QUE ESTA A ASSOBIAR)

Matou mulher com 36 facadas

Sem dó nem piedade, Álvaro Gaspar, 41 anos, matou a mulher com 36 facadas, anteontem de madrugada, em mais uma discussão do casal. Os ciúmes doentios do assassino por Maria de Fátima Ramos, de 50, eram uma constante. O homicida foi ontem ouvido no Tribunal de Oliveira de Azeméis e voltou a confessar o crime. Ficou em prisão preventiva.



Por:Liliana Rodrigues

Álvaro Gaspar já cumpriu cinco anos de cadeia por um caso de violência doméstica contra uma antiga companheira e tem também antecedentes por posse ilegal de arma.

Descrito pelos vizinhos como um homem violento, o homicida, desempregado e que teimava que a mulher o traía, matou Maria de Fátima com 36 golpes desferidos com uma faca de cozinha, por todo o corpo da vítima, em casa de ambos, em Lações, Oliveira de Azeméis.

Maria de Fátima foi abandonada em cima da cama, com o corpo parcialmente tombado no chão, enquanto o homicida foi tomar banho e mudar de roupa. Depois, foi a pé até ao quartel dos bombeiros, onde deu conta do crime que tinha cometido. Pediu aos voluntários para irem buscar o corpo com a ambulância, antes de afirmar que é esquizofrénico. Em casa, o cenário era macabro.

O assassino confesso foi detido pela PJ do Porto. O funeral de Maria de Fátima deve realizar-se segunda-feira, dia 9.


FONTE :CM

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum